Skip to content

Entrada / Notícias / Fernando Rodrigues

Fernando Rodrigues

No próximo dia 22 de Maio, no âmbito da IX edição da Festinfância, a Contacto estreia a sua 64ª produção teatral intitulada «O avião que tinha medo das alturas» adaptação de Teresa leite de um conto de Kátia Andrade.

A peça conta-se assim: era uma vez um avião que vivia estacionado num museu. Ao contrário de todos os modernos aviões que cruzam os céus todos os dias, este parecia feliz por estar sempre em terra firme. Não por ser velho ou avariado, mas por ter medo de voar.
A história da sua vida vai ser contada por uma família que o encontrou num dos seus habituais passeios de domingo no... Museu do Ar. Vamos então conhecer a história verdadeira do nosso Pulga, o avião que tinha medo das alturas

Esta produção vai ser apresentada, nas próximas duas semanas, em exclusivo para os alunos das escolas do concelho de Ovar e inicia a sua digressão normal para toda a família após o final da Festinfância 2017

De 20 de Maio a 4 de Junho a Contacto promove a nona edição da Festinfância – Festa do teatro para a Infância numa parceria com a União de Freguesias de Ovar, S. João, Arada e S. Vicente e com a colaboração do Agrupamento de Escolas de Ovar, contando com o apoio do Município de Ovar e do Instituto Português do Desporto e da Juventude e da Junta de Freguesia de Válega.

O programa deste ano inclui a estreia de uma nova produção da Contacto: O avião que tinha medo das alturas, a partir do texto de Kátia Andrade e três produções oficinais: A Tulipa Negra, de Manuel Costa, O Bando da Avó Pintas, de Teresa Leite e Kalabim Kalaboom, de Nuno Loureiro.

Estão previstos cerca de 26 espetáculos para o público escolar (à semana) cobrindo cerca de vinte e dois estabelecimentos de ensino e público em geral (aos fins-de-semana).

A Contacto continua, desta forma, a marcar a agenda das propostas culturais para a infância e juventude e continua a levar o teatro às crianças das escolas e infantários de Ovar, nesta grande festa do teatro para os mais pequenos.

A Contacto vai também certificar 38 formandos (dos 7 aos 14 anos de idade) no âmbito da edição 2016 / 2017 da Oficina de Teatro Contacto que termina este mês e que vão apresentar as produções resultantes dos sete meses de formação que tiveram.

Venha à Festinfância e traga os seus filhos ao Teatro! Veja o programa aqui.

Sábado, 29 Abril 2017 14:16

Dar Teatro Maio - «Péricles»

No âmbito do "Dar Teatro" e sob o II Ciclo de Teatro da FPTA - AmarTeatro 2017 o Auditório da Casa da Contacto abre as suas portas em Maio ao Teatro Experimental de Mortágua no Sábado, dia 13 de Maio, pelas 21H45 para apresentar o texto de Shakespeare «Péricles».

A história é simples e complexa, como quase todas as de Shakespeare. Começa com um incesto e nisto não encontra paralelo em nenhuma outra peça. Conta as peripécias que um príncipe viveu enquanto procurava uma rainha para se poder casar. À maneira de Ulisses em “Odisseia”, Péricles vai de ilha em ilha, por vezes perseguido por assassinos, outras, sacudido por tempestades, outras à procura da sua filha.
Nesta viagem aparecem personagens de todas as texturas. Bons, maus, submissos, dominantes, solidários, interesseiras, invejosos, benevolentes, implacáveis, espirituosos e espirituais... Um leque de cores que reflete a vida, como em todas as peças do dramaturgo inglês. Uma peça que é uma viagem. Uma viagem que é uma peça..

Reservas e informações através de Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar  ou do 917 458 619

Em Abril o Auditório da Casa da Contacto abre de novo as suas portas ao "Dar Teatro": no próximo Sábado dia 22 de Abril, o Grupo de Teatro Vitrine de Fafe apresenta "O Mais Longo Verão" de Rafael Leite.

Gervásio von Doellinger estava longe de imaginar o que o destino lhe havia reservado, quando naquela manhã de 64 partiu de Fafe a salto para França. É capturado pela polícia francesa em Hendaye e sem hipótese de escolha, é obrigado a viajar para Reggane, no coração do norte de África, para ingressar na Legião Estrangeira Francesa. Lá, permaneceu seis anos, e durante esses seis largos anos viveu o mais longo verão de que há memória. Esta, para além de ser uma história verídica de um Legionário Português, é também uma história verídica de sobrevivência em nome do Amor.

Reservas e informações através de Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar ou do 917 458 619

O Carnaval já lá vai e o teatro volta, de novo, ao Auditório da Casa da Contacto no próximo Sábado dia 18 de Março, pela mão da Nova Comédia Bracarense que apresenta "O aniversário do casamento" a partir do texto Ópera-Bufa de Fernando Pinheiro.

Beto e Bela pretendem ser um casal saudável, que purifica o ambiente doméstico e não deixa criar quistos de perigosa animosidade, e que se diverte tanto quanto se provoca, pois que na vida de um casal as zangas pertencem à essência do amor... Associemo-nos pois ao teatro na consagração de um valor sentimental que tem sido o mais importante sustentáculo da humanidade de todos os tempos.

Reservas e informações através de Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar ou do 917 458 619.

Terça, 21 Fevereiro 2017 13:06

Assembleia-Geral Ordinária

De acordo com a alínea 4 do ponto 8 do Regulamento Interno, o Presidente da Mesa da Assembleia-Geral da Contacto vem proceder à divulgação da Convocatória para uma Assembleia-Geral Ordinária a realizar no próximo dia três de Março, pelas 21H00 na sede da Contacto.

Consulte aqui a convocatória.

Inserido na iniciativa Dar Teatro 2017 a Contacto apresenta no próximo dia 5 de FevereiroDomingo, pelas 16H00 a sua mais recente produção:

«O Cavaleiro da Triste Figura», baseado no Romance de Cavalaria "D. Quixote de La Mancha", a imortal obra de Miguel de Cervantes, foi adaptado por Teresa Leite e conta com a encenação Manuel Ramos Costa.

A história conta-se assim: na província de La Mancha (Espanha), vivia um fidalgo ingénuo e sonhador, D. Alonso de Quixada. Ávido leitor de romances de cavalaria, mistura realidade e fantasia e decide converter-se em cavaleiro andante, saindo em busca de aventura, combatendo as injustiças, protegendo os fracos e as donzelas, lutando contra gigantes. Nesta sua demanda faz-se acompanhar do seu fiel escudeiro, Sancho Pança com quem partilha os nobres ideais...

Sexta, 16 Dezembro 2016 13:40

Viva o Natal. Viva o Teatro!

No encerramento da XXIII edição do Festival de Teatro de Ovar, a Contacto estreia no próximo dia 19 de Novembro (Sábado) , pelas 21H45 a sua 63ª produção, «O Cavaleiro da Triste Figura», uma adaptação de Teresa Leite a partir da obra de Miguel de Cervantes «D. Quixote de La Mancha», com encenação de Manuel Ramos Costa.

Nesta peça contam-se as aventuras e desventuras do cavaleiro Dom Quixote de La Mancha e do seu fiel escudeiro, Sancho Pança, a quem tinha prometido dar uma ilha. 
Além disso, como qualquer outro cavaleiro, tinha em seu coração a sua amada Dulcinea del Toboso que era, na verdade, uma camponesa da sua aldeia chamada Aldonça...
Venham até ao fantástico mundo deste excêntrico e carismático personagem de todos os tempos...
Quarta, 05 Outubro 2016 14:24

Contacto estreia «Medeia»

Integrado na XXIII edição do Festival de Teatro de Ovar, a Contacto estreia no próximo dia 8 de Outubro, Sábado, pelas 21h45  a sua 61ª produção: «Medeia» de Mário Cláudio, com encenação de Manuel Ramos Costa.


Nesta versão atual do clássico de Eurípedes, Medeia é uma atriz consagrada. Representa tão bem o papel da Medeia clássica, que acaba por incorporá-la na própria personalidade. A personagem de Eurípedes parece mesmo ter sido talhada à medida da sua pessoa, de tal forma se identifica e projeta na personagem do dramaturgo clássico. E vice-versa. A mulher que protagoniza ambas as versões da história é vítima de uma paixão fulminante, que a deixa cega de ciúme, ao ver-se trocada por uma jovem, após dez anos de casamento e dois filhos. O acontecimento consegue despertar uma série de ódios recalcados, que desvia para os próprios filhos, que são também filhos de Jasão, prejudicando-os gravemente no seu desenvolvimento interpessoal, com o único objetivo de causar desgosto ao ex-amante.

Este drama, protagonizado por Aurora Gaia, tão velho quanto a humanidade e tão humano quanto eram os próprios Deuses assinala a abertura do Festovar 2016 e repete no dia seguinte às 16H00 marcando-a de forma intensa e poderosa.

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 Seguinte > Final >>
Pág. 4 de 9

Calendário Actividades

<< Outubro 2019 >> 
 Se  Te  Qu  Qu  Se  Sá  Do 
   1  2  3  4  5  6
  7  8  910
1415161718
212223242527
28293031   

Topo
Please update your Flash Player to view content.